Fio da Cousa Nossa

Após o reparto de dividendo entre o empresário, o governante e o partido na Cousa Nossa gostam de pechar e mudar o nome

3 Likes
2 Likes

Parabens para a mafia eucalipteira! Avante na destruição do país!

2 Likes
2 Likes

O chiringuita de Luis Rial

1 Like

1 Like

Avante cara uma das mafias de top 25!
Evocação de “Gomorra” a Cousa Nossa já trabalha como a Camorra
Compostela, sempre tão aberta, acolhe um macroespaço para receber resíduos de outros vertedoiros da Galiza. SOGAMA em B

3 Likes


2 Likes

Quando há interesses da Cousa Nossa, o governinho esconde-se atras dos funcionários “independentes” que ele mesmo designa a dedo
http://praza.gal/scene/uploads/$fotos/foto/591dbb8063473-image_gallery.jpeg?options=resize%2C400

2 Likes
1 Like

2 Likes

A maiores do post de doceasubio acima, porque ja estaba editando o meu cando entrou o seu. Non o ía tirar :slight_smile:

Em julho de 2005 o derradeiro governo de Manuel Fraga aprobou a concessão das dúas licenças de televisão digital terrestre (V Televisión e Popular TV).
Os 97 milhoes de euros e 148 empregos prometidos por V Televisión e os 2,3 milhoes e 40 postos de trabalho de Popular TV sempre ficaron moi longe da realidade. Malia a todo, a Xunta vén negándose a resgatar as dúas licenças e ja por dúas veces (en 2014 e 2017) ampliou o prazo que as dúas concesionarias tem para cumprir co establecido no concurso que ganharam em 2005.

Em 2006 o bipartito PSdeG-PSOE/BNG concedeu 46 licenças de TDT local, completadas en 2014 com mais outras 20. Os compromissos das empresas beneficiárias foram tamén amplamente incumpridos.

2 Likes

Omertá

1 Like
2 Likes
2 Likes

1 Like

2 Likes